sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Poejo Pennyroyal Hortelãzinho Mentha pulegium - Mentha rotudinfolia e outras Mentha sp.



  • Planta vivaz, perene, de 30 a 50 cm de altura. Folhas verde vivo, pequeninas e de cheiro parecido com hortelã (mesma família) caules frouxos, rastejantes, lançando raízes nos pontos em que entram em contato com o solo. 
  • Esta planta aromática, é conhecida há séculos em todo o Mediterrâneo e Ásia ocidental pelas suas propriedades  carminativas e relaxantes   quando tomada em  infusão . Seu óleo essencial  é usado em  aromaterapia .
  • CULTIVO
  • Cresce facilmente desde sementes, desde que sejam seguidas as instruções para ter as condições adequadas similares as da natureza.
    Coloque as sementes num substrato apropriado e aperte elas contra a superfície, sem cobrir-as, já que necessitam de luz para germinar!!
    A superfície deve estar úmida mas não alagada, os vasos ou bandejas devem ter muito boa drenagem. Se em sua região o ar é seco, cobra com polietileno para manter a umidade.
    A temperatura ideal de germinação é de 20 graus.
    Nessa condições deve germinar em 5 a 21 dias.
    As plantas podem ser transplantadas quando tenham o tamanho adequado. Gosta de sol, mas nos climas mais quentes recomendamos evitar o sol das horas mais quentes. Não gosta do calor nem do frio extremos. O poejo requer temperaturas acima dos 7°C.
    Molhar regularmente, espaçamento 30 cm.
    DICA:  Se recomenda cortar as flores ara ajudar no desenvolvimento da planta.
    COMPRE SEMENTES DE POEJO NA PLANTAMUNDO

    CLICANDO AQUI

    segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

    Bunny Tails - Lagurus ovatus

     

    Bunny tail blooms are puffy and soft just like actual bunny tails.

    Planta anual (gramínea) , de 30-50 cm e rara beleza.

    Plantar no lugar definitivo ou em copinhos que possam ser enterrados sem mexer nas raízes (não gosta de transplante).

    Cresce bem em solos arenosos, desde que tenha boa drenagem. Tolerante a seca (uma vez estabelecida). Gosta de sol pleno em climas temperados e subtropicais, e sombra parcial nos climas mais quentes.

    sábado, 1 de fevereiro de 2014

    Bo Tree – Árvore de Budha - Ficus religiosa


    Coloque as sementes em molho durante  48  horas . De preferência use GA3 (Ácido giberélico) preparado com Fertilizante Milagre.

    Coloca as sementes sobre  o substrato, e aperte. Jogue um pouco de areia de rio sobre as sementes sem enterra-las totalmente. Molhe com cuidado,  com um borrifador (molhando com uma mangueira enterrará as sementes!). Coloque uma tampa ou filme de plástico transparente sobre a bandeja.

    Coloque a bandeja num lugar com luz forte, mas sem sol direto. A temperatura ideal de germinação é de 25 grados Celsius. Remova a tampa plástica todos os dias para permitir que o oxigeno chegue as  sementes e evitar a formação de fungos. Pulverize quando necessário. A umidade deve ser mantida durante 15 a 90 días até que apareçam as brotações. Nesse momento retirar a tampa plástica.

    Transplantar com cuidado a vasos individuais com sombra parcial.

    COMPRE SEMENTES DE BHODI TREE CLICANDO AQUI

    Alcachofra

     

     

    A alcachofra (Cynara scolymus L.) é uma planta herbácea que atinge até 1,50m de altura. Suas folhas são grandes, podendo chegar a mais de 1m de comprimento. As variedades existentes são a alcachofra comum, a alcachofra hortícola e a alcachofra cultivada. É um vegetal originário da região mediterrânea que costuma ser cultivada como alimento, planta medicinal ou ainda, como planta ornamental.

    Características medicinais
    Além de ser muito apreciada como alimento, a alcachofra apresenta características terapêuticas pois atua na regularização das funções do fígado. Por conter uma quantidade bastante expressiva de ferro em sua composição, principalmente em suas folhas, a alcachofra é muito útil para pessoas com problemas de anemia. Atua, também, no combate a cálculos biliares, além de ser um ótimo diurético. Todas as principais aplicações medicinais desta planta tem como matéria prima as folhas da alcachofra utilizadas, principalmente, em chás e sopas.

    Cultivo
    É uma planta que, devido à sua região originária, se adapta melhor aos climas temperados-quentes. Em locais com temperaturas médias muito elevadas, é comum o desenvolvimento de pragas e doenças. Apesar disso, precisa de muito sol.

    Pode ser cultivada dentro da faixa de temperaturas indo de 5°C até 30°C, mas cresce melhor em temperaturas médias de 13°C a 18°C. É necessário um período de baixas temperaturas para induzir o florescimento, sendo que as regiões ideais para o cultivo de alcachofra têm um inverno moderadamente frio e um verão moderadamente quente.

    A planta geralmente suporta somente geadas leves. Por outro lado, quando o clima está muito quente e seco os capítulos florais tendem a abrir precocemente.

     

    Adapta-se melhor em solos argilo-silicosos, profundos e drenados, com pH próximo de 6,5, ou seja, neutro. Outro cuidado importante que devemos tomar no cultivo da alcachofra é de fazer a plantação em locais abrigados ou protegidos contra os ventos fortes.

    A propagação é feita por sementes ou através de mudas, que nascem na base da própria planta.

    O ciclo é de 150 dias no inverno. A germinação leva de sete a 21 dias na temperatura considerada ideal, que é de 20 oC a 30 oC. A semeadura pode ser feita em bandejas numa profundidade máxima de 1,5 cm. O transplantio deve ser realizado quando a muda atinge 10 cm

    As sementes podem ser plantadas no local definitivo ou em pequenos vasos, saquinhos de plástico próprios para mudas ou copinhos feitos de papel jornal com 5 cm de diâmetro e 10 cm de altura, e então transplantadas três ou quatro semanas após a germinação.

    Para o plantio comercial ou mesmo caseiro, as mudas devem ser cultivadas, primeiramente, em um viveiro e, depois, transplantadas para o local definitivo. O tempo de germinação das sementes é de 15 dias, em condições apropriadas.

    Por não se adaptar em regiões com temperaturas muito altas, a cultura da alcachofra não é recomendada na região Nordeste do Brasil. O plantio deve ser feito durante o período de outono e inverno, do final de março até final de agosto.

    As pragas mais comuns a atacarem a alcachofra são os pulgões cinzentos e a cochonilha vermelha. Há, ainda, a ocorrência ocasional de uma doença causada por um fungo, que deixa manchas acinzentadas nas folhas.

    Os tratos culturais necessários para a obtenção de bons resultados no cultivo da alcachofra são simples: capinas, irrigação (a alcachofra necessita de grande quantidade de água, devido ao número e tamanho de suas folhas), controle das pragas (principalmente os pulgões) e desbastes.

    Os resultados obtidos com uma plantação de alcachofra, bem cuidada, são uma colheita de cerca de 3,5ton de folhas frescas, por hectare. Para uso medicinal, também se aproveita as raízes dessa planta. A colheita é feita à medida que as folhas vão alcançando seu tamanho máximo, portanto, não se deve colher tudo de uma só vez.

    FONTE: RURALNEWS & HORTA.INFO