segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Pea Aubergine – Pea Eggplant - Solanum torvum

image

A germinação e cultivo de esta espécie não apresenta problemas, tanto que é considerada por alguns como uma “peste” já que se reproduz demasiado quando as condições são perfeitas. Seu cultivo na sombra ou media sombra pode ser uma forma de controle.

Germinação e plantio como as berinjelas.

As plantas de “Pea Aubergine” começam a produzir as 3 ou 4 meses, e não param de florir e produzir durante 5 anos, que é vida normal da planta.

Cultivada em África e Ásia, sua utilização na cozinha dessas regiões é muito interessante!

Amaranto

image

Os Amarantos tem sido qualificados como as plantas mais fáceis de cultivador do mundo. Elas são em essência uma “praga” ,mas uma boa praga.

Não são exigentes em matéria de solo, chuva, sol, nada, mas logicamente vão se desenvolver melhor com solos férteis.

Então, não se preocupe pelo Manual de Cultivo de seu amaranto, coloque as sementes na terra, cobra apenas e molhe, em poucos dias terá suas plantinhas, e em poucas semanas suas maravilhosas folhas (no caso do Callaloo por exemplo) ou sementes para consumo.

Agastache mexicana

image

A Agastache mexicana pertence a família da hortelã  (Lamiaceae) e é chamada de “Mexican Giant Hyssop”.  Suas folhas são muito perfumadas e utilizadas na fabricação de chá e de aromatizantes.

Nativa de regiões altas do México, suas sementes antes de serem plantadas precisam ficar um tempo em um local bem frio e bastante úmido para que haja quebra de dormência e somente depois disso ficam prontas para a produção de germinação.

O uso do GA3 e Fertilizante Milagre juntos podem ajudar na germinação inclusive sem estratificação por frio. Experimente!

Na hora de plantar, não enterre as sementes, já que estas precisam de luz para germinar. Apenas pressione as sementes no substrato e molhe. Manter úmido mas não alagado, e cobra o vaso ou sementeira com um plástico transparente se não fizer muito calor. Remova o plástico apos a germinação. Transplante quando as mudinhas tenham 4 folhas.

Cresce rápido e floresce bem rápido, em 30 dias apos o transplante.

Cultivar a pleno sol, em solos bem drenados.

Pode ser cultivada em regiões semi-áridas ou áridas, com solos  alcalinos ou neutros.

Importante: A umidade excessiva pode fazer com que a planta não vingue.  

Sementes de Agastache mexicana? A Plantamundo tem…

Basil – Manjericão – Alfavaca – Ocimum sp.

 

image 

Perene ou anual, dependendo da espécie, o manjericão é a planta ideal para o cultivo caseiro, já seja no jardim ou em vasos.

Pertencente à família Laminaceae, (a mesma da Hortelã ) existem dezenas de espécies e variedades, de folhas grandes, de folhas pequenas, de folhas verdes, de folhas roxas, e também variedades com fragrância doce, lembrando limão, canela, lima, anis e cravo. Algumas espécies chamas de Tulsi são consideradas sagradas na Índia. Muitas delas estão disponíveis na Plantamundo (www.plantamundo.com)

Sua presença se destaca na região do Mediterrâneo europeu , onde é presença comum na alimentação, o manjericão é plantado em beirais de janelas tanto pelas propriedades de afastar moscas e mosquitos como pelas belas flores mas especialmente por suas propriedades na cozinha e medicinal. Conhecida por alguns como alfavaca cheirosa, essa planta com propriedade digestiva, antibiótica e anti-reumática é utilizada para tratamento de enjôos, problemas respiratórios e reumáticos.

SOLO: fértil e de granulação média
CLIMA: Dependa da espécie pode ser cultivada tanto em climas quentes como moderados.
ÁREA MÍNIMA: pequenas hortas, caixotes ou vasos
COLHEITA: a cada 60 dias.

ESPACAMENTO: entre plantas, 30-40 cm
PLANTIO: cobrir apenas as sementes, e manter o substrato úmido ate a germinação.

GERMINA: entre 5 e 10 dias

PRODUÇÃO - as folhas podem ser colhidas quando a planta atingir cerca de 1 metro de altura. Em geral, isso ocorre aos 60 dias. A primeira colheita, no entanto, é indicada somente após três meses do plantio.

DICA: Se seu cultivo e para a produção de folhas, se recomenda cortar as flores, para estimular o crescimento lateral das plantas.

Malope - Lavatera

 

image

Ambas espécies sãoda mesma família que os hibiscos e ambas são cultivadas a partir de sementes.

A temperatura ideal de germinação e de 20 graus, pelo que a melhor época de plantio em climas tropicais pode ser no inverno, no outono ou na primavera.

Se recomenda o uso de Acido Giberélico.

As sementes devem ser cobertas por 1 mm de substrato fino, e este deve ser mantido úmido até a germinação. A germinação normalmente leva 1-2 semanas.

Quando as mudas são grandes o suficiente para lidar com elas devem ser transplantadas para vasos individuais, ou seu lugar definitivo.

A ROSE MALLOW (Lavatera trimestris) e uma planta anual que prefere solos leves, bem drenados, e pode ser cultivada em solos pobres. Tem que ser cultivada ao sol, não suporta a sombra. Aceita solos secos ou úmidos mas não alagados, e não tem preferência de PH no solo, Pode ser cultivada em áreas marítimas,

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Crocus sativus - Açafrão Verdadeiro

image
AÇAFRÃO
Originário do sudeste da Europa e sudoeste da Ásia, o açafrão, Crocus sativus L. (IRIDACEAE), é uma das espécies contempladas pelo projeto “Produção, processamento e comercialização de ervas medicinais, condimentares e aromáticas” coordenado pela Embrapa Transferência de Tecnologia – Escritório de Negócios de Campinas, SP, em parceria com a Embrapa Pantanal (Corumbá, MS), Embrapa Semi-Árido (Petrolina, PE) e nos Escritórios de negócios de Dourados (MS), Canoinhas (SC), e Petrolina (PE) da Embrapa Transferência de Tecnologia, o qual tem por objetivo treinar técnicos e qualificar pequenos agricultores e seus familiares em produção e manipulação de ervas com boas práticas agrícolas e de higiene que atendam às demandas dos segmentos de fármacos e condimentos.
DESCRIÇÃO BOTÂNICA:
Planta bulbosa com folhas finas e estreitas e flores roxas claras com três estiletes vermelho claros e três estames, com o ovário e os frutos desenvolvidos abaixo da superfície do solo.
COMPOSIÇÃO QUÍMICA:
Safranal (principal composto do óleo essencial), crocetina (diterpeno) e picrocrocina (glicosídeo).
FORMAS DE PROPAGAÇÃO:
Sementes ou mudas produzidas a partir de bulbos.
CULTIVO:
Espaçamento de 40 X 30 cm entre linhas e plantas, respectivamente . Cultivado comercialmente em larga escala na Espanha, o açafrão prefere solos argilo-arenosos e férteis, porém se adapta bem a diversos tipos de solo, com iluminação plena ou pouca sombra. Recomenda-se uma adubação com esterco de gado bem curtido, esterco de galinha ou composto orgânico, quando necessário.
COLHEITA E BENEFICIAMENTO:
A colheita é feita com aproximadamente um ano de plantio, na floração, e pode se estender por alguns meses, onde somente são aproveitados os estigmas e os estiles das flores.
R E Q U I S I T O S B Á S I C O S P A R A U M A PRODUÇÃO DE SUCESSO:
Utilizar sementes e material propagativo de boa qualidade e de origem conhecida: com identidade botânica (nome científico) e bom estado fitossanitário;
Focar a produção em plantas adaptadas ao clima e solo da região;
O plantio deve ser realizado em solos livres de contaminações (metais pesados, resíduos químicos e coliformes);
A água de irrigação deve ser limpa e de boa qualidade;
O cultivo deve ser preferencialmente orgânico: sem aplicação de agrotóxicos, com rotação de culturas, diversificação de espécies, adubação orgânica e verde, controle natural de pragas e doenças;
É importante dimensionar a área de produção segundo a mão-de-obra disponível, uma vez que a atividade requer um trabalho intenso;
A qualidade do produto é dependente dos teores das substâncias de interesse, sendo fundamentais os cuidados no manejo e colheita das plantas, assim como no beneficiamento e armazenamento da matéria prima;
Além dos equipamentos de cultivo usuais, é necessária uma unidade de secagem e armazenamento adequada para o tipo de produção. O mercado é bastante específico, sendo importante a integração entre produtor e comprador, evitando um número excessivo de intermediários, além da comercialização conjunta de vários agricultores, por meio de cooperativas ou grupos.

Texto acima da EMBRAPA PANTANAL

 

Mais informacaoes de Cultivo:

E imprescindível o plantio num solo bem drenado (ou seja solo que filtre rapidamente a chuva). Devemos, portanto, evitar terrenos argilosos e pesados.
Os bulbos devem ser plantados a pelo menos 10 cm de profundidade em lugares onde recebam bastante sol.
O ideal é ter um PH neutro no solo (pH de 6 a 8). Para pequenas áreas como um jardim ou simplesmente maciço, é facilmente possível corrigir a terra por meio da adição de areia, turfa ou composto. A "safranière" deve estar localizada em um local ensolarado, incluindo a época da floração.
Não é necessário irrigar as plantações. Se fizer muito calor, apenas uma pulverização o irrigação leve é geralmente suficiente.
Os camundongos podem ser um pesadelo quando você cultiva o açafrão. Eu sei de jardineiros que regularmente pegam na armadilha 60 por mês. Procure uma forma efetiva de proteção se tem este problema potencial na sua área.
Colheita:
No caso de um pequeno número de flores a colheita se faz mediante a “poda” pode ser deixada no local de floração e extrair apenas 3 filamentos vermelhos do pistilo com uma pinça. Os estames amarelos e as pétalas roxas não tem utilização.
Secagem
clip_image001

É necessário secar os filamentos para sua conservação A secagem pode ser feita depositando os pistilos em uma pequena área bem ventilada entre 40 a 60 graus centígrados, durante cerca de quinze minutos (num forno com a porta aberta, ou no sol, ao ar livre ...). No final da secagem os filamentos são muito leves e frágeis. O açafrão seco tem muito pouco sabor. Recomenda-se armazenar em um pequeno recipiente hermético, no escuro, pelo menos, um mês antes do consumo. Durante os dois anos seguintes o açafrão, mantém a maior parte do seu gosto.

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Water Spinach – Espinafre de Agua – Ipomoea aquatica

 

image

Deixar as sementes em molho por 2 dias antes de semear.

Se bem se trata de uma planta semi-aquatica, a germinação se faz como uma semente normal, deve ser planta a 6 mm de profundidade, em substrato de boa qualidade, com temperatura ideal de 20-30°C.

Mesmo em condições ideais a germinação acostuma ser errática, e demorar de 5 a 21 dias ou mais.

Pode ser cultivada em estanques ou lagos, ou ate mesmo em vasos com terra, e muita irrigação.

Cultivo a pleno sol.

Os novos brotos são consumidos como espinafre.

Pode ser cultivada em todas as regiões de Brasil, mas a preferência dela e por áreas mais quentes.

De crescimento rápido, não deve ser plantada em rios ou lugares onde possa escapar.

domingo, 30 de outubro de 2011

Hoodia gordonii

image

Planta crassa ou suculenta nativa de África do Sul, a pesar de sua aparência não e um cacto, sua família botânica e Apocynaceae.

GERMINACAO E CULTIVO

Use terra arenosa misturada com um pouco de substrato e de ser possível perlita.

As sementes não devem ser plantadas muito fundas, nunca mais de 0.5 cm.

Não plante as sementes uma do lado de outra, já que isso pode facilitar doenças, ao germinar.

Molhar com prudência, demasiada água quando as sementes estão germinando vão produzir doenças nas plantinhas. Molhar 4 vezes por semana com temperaturas acima de 28°C. Em inverno molhar 1 vez cada semana ou cada 2 semanas e manter as plantinhas ao sol.

Um ano depois as plantinhas estarão o suficientemente fortes para seu transplante aos vasos definitivos (mínimo 9 cm), onde cresceram rapidamente.

Respondem bem a fertilização orgânica (USE NOSSO FERTILIZANTE MILAGRE), e em 3 anos terá plantas de 25 cm de altura com ate 10 estacas cada uma.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Noni – Morinda citrifolia

Noni a first fruit

O Noni é uma fruta adaptogena, com muitos benefícios para a saúde, mas como fruta, e uma medicina mesmo, tem gosto de queixo passado, e por isso e consumida principalmente na forma de suco misturado com outras frutas.

O nome cientifico do Noni é curioso, já que se chama Morinda citrifolia, mas as folhas não parecem EM NADA as folhas dos cítricos!

Sem duvidas não e esta a única raridade de esta arvore MEDICINAL e ORNAMENTAL... Aqui vão mais 3:

1) As flores do Noni saem do fruto!!

2) Como norma as sementes quando flutuam não estão boas para plantio, não no caso do Noni, já que suas sementes flutuam e flutuam por meses, e assim viajam pelos oceanos ate achar novas praias onde crescer.

O Noni cresce rápido, e já produz frutos no primeiro ano desde semente. E uma arvore pequena ou arvoreta de 3 a 10 metros de altura, com folhas muito grandes e brilhosas, o que faz de esta arvore interessante no paisagismo.

· é uma planta de fácil germinação e fácil cultivo. Semear em solo não argiloso, e apenas cobrir as sementes. Molhar diariamente. Quando as mudas estiverem com 6 folhas e com aproximadamente 15 cm de altura pode ser  transplantando sacos ,  baldes , latas de 10 a 18  litros.

· No início deve-se mantê-lo à sombra por pelo menos 3 meses, na época de frio deve-se manter ao sol pleno, e depois de atingir 1 metro sempre manter ao sol, já que se cultivado na meia sombra as mudas estarão mais sujeitas ao ataque de pragas.

· Não resiste geadas, mas agüenta qualquer calor.

· Interessante e que, no Havaí ele cresce praticamente na pedra, no solo vulcânico, mas aqui no Rio, ele fica “triste” muito rapidamente se não irrigado (mas também se recupera em forma instantânea).

· Não é exigente em matéria de adubação, mas a adubação as mudas devem antes ser molhadas. Adubar unicamente com adubo orgânico, recomendamos nosso fertilizante orgânico natural “Milagre”

Noni from Brazil (1)

Temos sementes e mudas de Produção própria.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Pitaya – Dragon Fruit -

Pitayas Pitaya white (3)

A PITAYA, conhecida internacionalmente também como fruta do dragão (Dragon fruit) (pelo seu aspecto) é uma cactácea (um Cacto) originário da América Tropical, sendo os seus maiores produtores Vietnã, Colômbia e o México. Entre os amantes das frutas seu rápido sucesso se deve ao sabor doce suave e muito refrescante, e entre os colecionadores de plantas e jardineiros, pelas flores (noturnas) de exótica beleza e tamanho GIGANTESCO.

Existem 3 tipos principais de PITAYA:

A mais comum, e de casca vermelha e polpa branca. Depois temos a de Casca e polpa vermelhas, e finalmente a “Amarela” (casca amarela com polpa branca)

Cultivo :

MUITO FACIL!!

Mas o cultivo da PITAYA é um pouco diferente da imagem que você tem do cultivo dos cactos, gosta de terra orgânica, adubação, e especialmente de água!!

Solo: O solo deve apresentar PH entre 5,5 e 6,5 e ser rico em matéria orgânica.

Temperatura: Não aceita geadas, mas não tem problemas com o calor.

PLANTAR AO SOL.

Se recomenda um espaçamento de 2 metros entre estacas.

IMPORTANTE: Deve ser plantada do lado de uma estaca de madeira forte, ou uma parede. A muda vai trepar em forma reta, como um foguete, ate chegar ao topo ou final da estaca ou parede, onde vai ramificar, e frutificar!

PODE SER PLANTADA EM VASOS.

Pode produzir frutos já no primeiro ano após o plantio das estacas.

Capina:

Não deve-se fazer capina, somente podar em volta das plantas pois as raízes são muito sensíveis.

Irrigação:

Irrigar diariamente.

Adubação:

Agregar matéria orgânica a terra, e usar o fertilizante orgânico natural MILAGRE.*

* Mudas de Pitaya e Fertilizante Milagre a venda na PLANTAMUNDO.

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

FRUTA DO MILAGRE – MIRACLE FRUIT – Synsepalum dulcificum

 

image

Sem duvidas umas das plantas mais interessantes do mundo. A fruta do milagre é um fruto vermelho de 2 a 3 cm produzido por uma planta ou arvoreta tropical da África Ocidental. Estes frutos contêm uma substância que faz com que os sabores azedos se percebam como doces! E algo muito raro mesmo, parace um milagre.

Planta de folhas verdes, muito ornamental, se recomenda seu cultivada em vasos.

Não é tolerante às geadas. Em áreas onde a temperatura cai muito, a planta deve ser cultivada em vasos para que ela possa ser movida para dentro de casa num local ensolarado perto de uma janela.

Gosta de condições úmidas e também prefere solos ácidos, com um pH de 4,5 ou acima. A pesar de ter lido por ai que esta planta não cresce mais de um metro, em seu habitat natural, alcança mais de quatro metros de altura, e a maior planta do mundo fora da África, no jardim do colecionador Bill Whitman, em Miami, Florida, tinha mais de 2.5 metros. Todo depende da variedade e do trato cultural, também e certo, que conheço pés que tem mais de 15 anos, com menos de 1 metro, mas por estar em solos alcalinos e sem o tratamento perfeito.

Suas folhas são verdes o ano todo e não exige podas ou formação.

Se seu solo e alcalino, se recomenda acidificar o mesmo. Acrescente enxofre em pó ou sulfato de ferro para acidificar a terra. Um método natural de acidificar o solo é agregar ao mesmo folhas de pinheiros.

Requer solos ricos em matéria orgânica e ser irrigada com frequência.

Temos mudas a venda de matrizes seleccionadas!

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Paeonias - Peonies

 

image

* Coloque as sementes numa sacola de plástico selada (tipo ziplock) com pó de coco apenas úmido (melhor se for com GA3!)

* Colocar os saquinhos numa área da casa (não ao sol) e verificar cada semana ver se a raízes emergiram e se assegurar que as sementes estão ainda úmidas (sempre úmidas mas não molhadas)!

* Manter assim até que as raízes apareçam. Isto pode demorar de algumas semanas a vários meses

* Uma vez as raízes aparecem e tenham aproximadamente 2,5 cm mover a sacola com essas sementes germinadas a geladeira.

Semente enraizado de peônia:

image

* Deixar as sementes com raiz na geladeira por aproximadamente 10-12 semanas.

* Verificar regularmente para ver se o broto apareceu.

image

* Se o broto apareceu, tem que retirar a sementes imediatamente e plantar-la em vasos com substrato de boa qualidades.

* Após 12 semanas retirar todas as sementes em parte germinadas e plantar-las em vasos.

* Manter o substrato úmido mas não molhado. Sobre regar matará as plantas novas.

* Se lembre que as Peônias são plantas de clima frio, procure por isso o lugar mais fresco possível no jardim.

Esteja preparado esperar vários anos, talvez 5 ou mais, antes de ver as primeiras flores.

sábado, 20 de agosto de 2011

Verbena officinalis

image
Uma das plantas medicinais e mágicas mais importantes do antigo mundo. Flores comestíveis. Flores e filhas usadas para preparo de chás.

GERMINAÇÃO

Pré-tratamento. As sementes precisam de um período de frio antes do plantio. Coloque as sementes em um saco plástico e coloque na geladeira por duas semanas e depois semeie como indicado a seguir.

Plante com muito cuidado na superfície de vasos contendo composto para sementes. Cobrir as sementes "apenas" com uma chuva  de solo tamizado e cobrir o recipiente com papel escuro ou semelhante já  que as sementes precisam de escuro para germinar. Colocar o recipiente num local escuro. Manter uma temperatura ótima de 15 a 18°C.

Mantenha úmido, sem nunca saturar a compostagem. Não molho com um regador, ou mangueira, use apenas um borrifador.

A germinação é irregular, normalmente em torno de 14 a 28 dias, mas pode levar até 90 dias para terminar de germinar as sementes. Extrair a tampa quando eles começam a germinar para permitir a circulação de ar (caso contrário eles podem morrer e reduzir a temperatura em torno de 15°C, mantenha na luz mas não com luz solar direta.

Transplante as mudinhas a vasos quando tenham o tamanho suficiente.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Nicotiana mutabilis

 
Nicotiana  mutabilis
 
SE RECOMENDA O USO DE GIBERELLICO POR 2-3 DIAS
MUITO IMPORTANTE

Estas sementes germinaram unicamente com luz!!! Plante na superfície, e aperte as sementes sobre o substrato ou terra para fixa-las no lugar.

Na hora de molhar, evite a água com muita força que pode enterrar as sementes!!

Germina entre 7 a 14 dias.

Planta do Sul, a temperatura ideal de germinação é de 20 graus, podendo ter dificuldades ou não germinação se as temperaturas são muito altas ou baixas.

Planta silvestre (selvagem), não apresenta dificuldades na germinação seguindo o “segredo” acima.

Gosta de solos bem drenados.

PLANTA ANUAL.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Purple Tansy - Phacelia tanacetifolia

image

Planta ANUAL, da família Hydrophyllaceae, resistente ao frio e ao calor, nativa da Califórnia e naturalizada em todo o Sudoeste dos Estados Unidos.

Cultivo a pleno sol em todo tipo de solos. Sendo uma planta selvagem não e muito exigente em matéria de tratos culturais.

Germinação: 15-30 dias

Semear apenas cobrindo as sementes com terra ou substrato. Molhar com moderação, sendo nativa de regiões secas, esta planta não gosta de excesso de água.

ATRAZ MUITO AS ABELHAS, ja que suas flores produzem uma grande quantidade de nectar!.

Peixinho de Horta – Lambari de Folha - Stachys lanata



também chamada de Orelhas de Coelho. Originariamente apenas uma planta ORNAMENTAL de clima temperado,  mas no Brasil foi descoberta que é tambem deliciosa como "peixinho frito"...cultivamos ela con dificuldade mas com suceso no clima tropical do Rio!

GERMINAÇÃO


PRE-TRATAMENTO

COLOQUE AS SEMENTES EM UM SAQUINHO ZIPLOCK NA GAVETA DE VERDURAS DA GELADEIRA POR 4 SEMANAS antes de semear.

SEMEADURA
 

Cobrir apenas as sementes, (não mais de 1 mm de substrato ou terra muito fina) ou ainda melhor, simplesmente coloque as sementes na superfície e aperte já que a luz é necessaria para a germinação. Recomenda-se o uso de GA3 (ácido giberellico, a venda na Plantamundo).

Use substrato apropriado ou terra muito leve. Molhe diariamente sem deixar secar nem alagar.

Temperatura ideal de germinação 20C. Não germinará bem com muito calor ou frio.
  
O Peixinho de Horta germina em 4-5 semanas em condições ideais.

Requer solos bem drenados e é melho cultivar  regas moderadas, é mais tolerante a seca que a umidade.

Cultivar a pleno sol ou em área mais sombreada em climas muito quentes, já que se trata de uma planta de clima temperado.

RECEITA
 Um punhado de folhinhas de PEIXINHO DE HORTA.
½ xícara de farinha de trigo
½ xícara de água gelada
1 colher (sopa) de maisena
¼ de colher (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal
Óleo para fritar

Lave bem as folhinhas e enxugue-as. Numa tigela, misture todos os outros ingredientes. Envolva as folhinhas mergulhando-as na massa. Frite em óleo quente até ficarem crocantes. Polvilhe com sal e sirva como aperitivo ou elemento decorativo. Ficam bem sequinhas. 

FONTE: come-se.blogspot.com.br 

COMPRE SEMENTES DE PEIXINHO DE HORTA CLICANDO AQUI

terça-feira, 28 de junho de 2011

Tamarillo – Tamarilho- Tomate de Arvore - Cyphomandra betacea

image
O Tamarilho ou Tamarillo, tomate japonês, tomate inglês (nomes ridículos!!), tomate arbóreo (estes dois últimos nomes usados na Madeira), é o fruto da espécie Cyphomandra betacea ( sinonimo Solanum betaceum, pertencente à família Solanaceae.
Nativas das selvas subtropicais de Argentina, Bolívia, e Peru e rica em Vitamina A, sendo indicada para controlar o colesterol. É apreciada ao natural mas seu sabor agridoce se destaca com sucesso no preparo de sucos, geléias ou compotas, salada de frutas e molhos para acompanhar carnes.
É comercialmente cultivada na Nova Zelândia, na Califórnia, e em Portugal. Nasce em uma árvore de pequeno porte, que não requer cuidados especiais, mas que sofre bastante com as geadas pelo que necessita de ser protegida no inverno nas regiões que sofram de este fenômeno.
Propaga-se por semente e por estacas dos ramos.

Germinação: A germinaçaõ pode ser errática e demorar 4 semanas ou mais. Se recomenda colocar as sementes no freezer por 24 horas antes de germinar. Depois disso coloque as sementes em molho por 24 horas antes de semear.   Ou utilize o método do filtro de café CLICANDO AQUI

Pode ser cultivada ao sol, exceto em situações de excessiva seca, mas e melhor seu cultivo com algo de sombra, como em seu lugar natural. Necesita proteção dos ventos e das geadas.
Requer solos arenosos e férteis, ricos em matéria orgânicos, muito bem drenados; o excesso de água pode matar a em poucos dias.
PODA. É importante para estimular la ramificación. A poda anual deve ser feita para eliminar os galhos que já tenham frutificado e induzir a formação de novos galhos.

COMPRE SEMENTES DE TOMATE DE ÁRVORE AQUI

Granadilla – Passiflora ligularis



A Granadilla (Passiflora ligularis) é uma variedade maracujá com frutas comestíveis, que são muito doces e tem um sabor excelente. (NO MEU GOSTO, UM DOS MELHORES DOS MARACUJÁS DO MUNDO!)
Planta trepadeira, como quase todos os maracujás, com muito rápido requer um solo fértil e rego frequente. Gosta de clima mais fresco que o maracujá doce ou gigante mas não resiste as geadas fortes.

Germinação:


Deixar as sementes em molho em GA3 por 24horas (se não tiver GA3 use suco de maracujá azedo) e depois enxaguar, limpar e semear em substrato ou terra orgânica leve.

Se depois dessas 24 horas as sementes continuam do mesmo tamanho, sem ter absorvido nenhuma umidade, deixe secar, lixe com cuidado com uma lixa fina e repita o procedimento.

Colocar na meia sombra, e se não fizer calor, tampar os vasos ou bandejas com plástico para gerar um efeito estufa.

Germina entre 4-5 semanas.

Cultivo:

Transplantar as plantas pequenas quando tenham seu segundo par de folhas verdadeiras, ao lugar definitivo, onde tenha terra muito fértil e permeável. Manter a terra úmida e abonar um adubo líquido, em concentração suave.
Como regra geral da adubação, esta deve ser pobre em nitrogênio (que fomenta o crescimento das folhas, mas não a frutificação) e rega frequente.
Trepadeira, precisa de suporte. Necessita de PLENO SOL. Começa a produção já no primeiro ano.

COMPRE SEMENTES DE GRANADILLA CLICANDO AQUI

Framboesa, Blackberry e outras Rubus sp.


 


Germinação

A germinação de sementes das espécies de Rubus é variável e normalmente difícil.  As sementes não vão germinar até que a umidade atravesse o tegumento (a casca da semente), o que na natureza pode demorar até 5 anos.
Existem detalhados e complicados estudos científicos para determinar a melhor germinação das amoras, blackberries, etc. Vamos simplificar com nossa sugestão: Coloque as sementes na geladeira por 3 meses, (para simular o inverno de sua região nativa). DE SER POSSIVEL DEPOIS DA GELADEIRA, coloque as sementes em ácido giberéllico por 1 semana!

Considere que as amoras não são em geral plantas tropicais, e por tanto a melhor condição de germinação das sementes será com temperaturas constantes de 20°C.

Cultivo -
A produção de frutos ocorre apenas nas extremidades dos ramos. O mais indicado é deixar que se desenvolva no canteiro, com o uso de espaldeiras para ajudar no apoio dos ramos.

Terreno - 
Os Rubus adaptam-se a solos de textura média, ricos em matéria orgânica e com pH de 5,0 a 5,5. Podem ser planos ou inclinados, mas sem excesso de umidade.

Ambiente -  
Regiões com chuvas de mais de 700 a 900 milímetros favorecem o seu desenvolvimento, apesar de na época da colheita favorecem a ocorrência de doenças nos frutos, como a ferrugem e podridões. 

Poda -  
Após o período de produção, deve ser feita a poda. Desbaste a planta com a retirada de todos os galhos que frutificaram e conduza uma nova brotação até o fio de arame. Os novos frutos nascem dos ramos formados no ano.

Sendo uma fruta de clima temperado, é de conhecimento geral, que esta fruta precisa de frio para frutificar, entre tanto temos amigos produzindo AMORAS em Brasília, ou seja, a natureza se adapta, e as vezes não segue nossas regras, não estudou que não podia produzir no calor!! 
Por isso cultive os Rubus, na área mais fresca do jardim, na meia sombra, no inverno diminua a irrigação, pode a planta, para simular a queda das folhas que ocorre nos invernos de clima frio.