sábado, 17 de dezembro de 2016

Verbena bonariensis

A Verbena bonariensis é uma planta muito útil. Tem uma longa floração ostentando a beleza de seus sprays de flores perfumadas a partir de meados até o final do verão com flores roxas em talos altoa e delicados que dançam com o vento.

A Verbena bonariensis pode ser plantada junto com uma variedade de diferentes culturas perenes, incluindo gramíneas. Ele funciona bem em um número de configurações de jardins, tais como cottage e jardins contemporânea. Experimente em com cannas, bananas, gengibre, lírios e bambus.

Também chamada de "Verbena brasileira" é fantástica para atrais borboletas, rivalizando mesmo a buddleja! É uma excelente flor de corte e floresce no mesmo ano a partir de plantio na sementeira.

Da sementeira para o florescimento aprox. 16 a 20 semanas.

Semear a 18 a 21 °C no outono ou no início da primavera.

Pré-tratamento. As sementes germinaram mais rápido se lhes forem dadas um período de frio antes do plantio. Coloque as sementes em um saco plástico e coloque na geladeira por duas semanas e depois semee como se informa a seguir.

Plante com muito cuidado na superfície de vasos contendo composto para sementes. Cobrir as sementes "apenas" com uma aspersão do solo tamizado e cobrir o recipiente com papel escuro ou semelhante já  que as sementes precisam de escuro para germinar. Colocar o recipiente num local escuro. Manter uma temperatura óptima de 15 a 18°C.

Mantenha úmido, sem nunca saturar a compostagem.

A germinação é irregular, normalmente em torno de 14 a 28 dias, mas pode levar até 90 dias para terminar de germinar as sementes. Extrair a tampa quando eles começam a germinar para permitir a circulação de ar (caso contrário eles podem morrer e reduzir a temperatura em torno de 15°C, mantenha na luz mas não com luz solar direta.


Transplante as mudinhas a vasos quando tenham o tamanho suficiente.

Cultivo:

Molhe de maneira que a água penetrem até o  profundamente para incentivar as raízes cresçam profundamente, resultando em um ambiente mais saudável e mais seca de plantas tolerantes. Cultivar de preferência a pleno sol. Corte as flores secas para incentivar novas flores.

É uma planta perene de curta duração, que vai se auto-semear, e as mudas resultantes são mais fortes e mais tolerantes a seca do que aquelas que são transplantadas.

Elas preferem para cultivo lugares secos, luminosos e arejados.  As Verbenas não exigem um solo particularmente rico solo ou adubo mas se beneficiarão de uma adubação leve na primavera.

USOS
Vida Selvagem, apicultura e jardins de borboletas. Flor de corte. Jardins de baixa manutenção e fronteiras herbáceas. Cottage e jardim contemporâneo.

Flores de corte:
Corte de flores podem ser colhidas, quando a pequenas flores comecem a abrir. Vida de vaso: 8-10 dias. A armazenagem a frio é possível.

Vida selvagem:
A Verbena bonariensis é benéfica para atrair a vida selvagem, especialmente borboletas e beija-flores.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

MAMÃO - Carica papaya

Como Cultivar Mamão


O mamão é uma planta perene cultivada nos climas tropicais e subtropicais onde não há chance de geadas ou temperaturas muito baixas.

Parte 1  Cultivando mamão a partir de sementesImagem intitulada 1353321 11

  1. Veja se o mamão consegue prosperar no clima da região. O mamão se desenvolve bem em regiões onde o inverno tem temperaturas mínimas entre -2 °C e 4 °C. O mamoeiro pode sofrer danos ou até morrer se for exposto a um frio prolongado e prefere climas mais quentes durante a maior parte do ano.
  2. Imagem intitulada 1353321 2
    2
    Prepare o solo. Escolha uma mistura para solo (substrato) destinada a plantas tropicais que seja rica em nutrientes ou faça a sua própria usando terra do jardim e adubo numa proporção de 25% a 50%. Contanto que o solo drene bem, a textura exata dele não tem muita importância. O mamão cresce em solo arenosos, argilosos ou rochosos.
    • Se for possível medir o pH do solo ou se você tiver substratos comerciais à disposição, escolha um solo que possua o pH entre 4,5 e 8. Esta é uma variação grande, portanto, se outras plantas crescem bem em alguma porção do seu jardim, é bem provável que ele tenha um solo com o pH correto para o cultivo do mamão.
  3. Imagem intitulada 1353321 3
    3
    Prepare as sementes.  Aperte-as contra uma peneira para quebrar a membrana que as envolve sem quebrar as próprias sementes. Lave-as com água abundante e, em seguida, seque-as em um local escuro com papel toalha.
  4. Imagem intitulada Grow Papaya Step 1
    4
    Plante as sementes. Você pode plantar as sementes diretamente no jardim e assim evitar o risco de transplantá-las mais tarde, ou pode plantá-las em vasos para ter um controle maior das plantas, já que é possível ver quais estão brotando. Ponha a semente no solo cerca de 1,25 cm abaixo da superfície e espaçadas a uma distância de uns 5 cm.
    • Plante o máximo de sementes que puder no espaço para aumentar as chances de obter tanto plantas macho como fêmea, removendo as que forem mais fracas mais tarde. Não há nenhuma forma confiável de se dizer se uma planta é macho, fêmea ou hermafrodita antes de plantá-la.
  5. Imagem intitulada Grow Papaya Step 2
    5
    Regue o solo com moderação. Regue-o completamente após o plantio, mas sem encharcá-lo nem formar poças. Monitore a umidade ao longo das próximas semanas e regue quando for necessário, mantendo o solo um pouco úmido, mas não encharcado.
  6. Imagem intitulada Grow Papaya Step 3
    6
    Defina quais mudas pretender manter. Depois de mais ou menos duas a cinco semanas do plantio, algumas das sementes vão germinar e brotar no solo na forma de mudas. Após deixá-las crescer por mais uma ou duas semanas, arranque ou corte as menores mudas, assim como as que parecerem murchas, manchadas ou apresentarem qualquer problema de saúde.[7Selecione as plantas até que reste uma só em cada vaso ou mudas separadas a pelo menos 90 cm de distância. Mantenha pelo menos cinco plantas por enquanto para ter 96% de chance ou mais de produzir mamoeiros machos e fêmeas.
    • Depois de escolher as plantas mais bem-sucedidas, passe para a etapa sobre plantio se for transplantá-las para o seu jardim, ou, caso contrário, para a seção sobre cuidados gerais.
  7. Imagem intitulada 1353321 7
    7
    Assim que as plantas florescerem, remova o excesso de plantas masculinas. Se você ainda tiver mais plantas do que estimava ter, espere até que atinjam aproximadamente 90 cm para determinar o gênero de cada planta. A planta macho floresce primeiro, produzindo um caule longo e fino com diversas flores. A flor da planta fêmea é maior e próxima ao tronco. Com a finalidade de produzir mais frutos, você vai precisar ter apenas uma planta macho para cada dez ou quinze plantas fêmeas; as demais podem ser removidas.
    • Algumas plantas de mamão são hermafroditas, o que significa que elas produzem os dois tipos de flor. Estas plantas se autopolinizam.
DICAS PARA CULTIVO DE MAMÃO EM VASOS

Se recomenda o uso de vasos grandes de 80 a 120 litros.
O plantio inicial pode ser em vasos menores, de 20 litros ou mais, mas tem que ter muito cuidado na hora de muda de vaso, o mamão não gosta muito de transplante.
Irrigue MODERADAMENTE. 
CULTIVE NO SOL PLENO.
PROTEJA DO VENTO.


COMO RECONHECER O SEXO DAS PLANTAS PELAS FLORES
FEMALE: FLOR FEMININA:  botão cônico, pétalas soltas, sem estames. 
HERMAPHRODITE: botão cilíndrico, pétalas coladas, contém ovário e estames.
MALE: FLOR MASCULINA: botão alongado em forma de colher, pétalas colados na base, tem estames mas não ovário.


sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

AROEIRA VERMELHA - Aroeira Pimenteira - PIMENTA ROSA - Schinus terebinthifolia

Produção de mudas - Colocar as sementes para germinar, sem nenhum tratamento, em canteiros à pleno sol com substrato argiloso ou terra normal. Cobrir as sementes com 1/2 de substrato ou terra.

Estudos realizados demonstram que a temperatura de 30°C é a que mais favorece a germinação de
sementes de pimenta-rosa.

Coloque para germinar num lugar muito luminoso, com sol parcial,  após germinar coloque em local que pegue sol, e quanto tiver 10 a 20 cm, transplante para um vaso maior ou em um local definitivo.

A emergência ocorre em 10-15 dias e a taxa de germinação é superior a 50 %. As mudas desenvolvem-se rapidamente, o mesmo ocorrendo com as plantas no campo, que podem ultrapassar 4.5 m aos 2 anos.

terça-feira, 22 de novembro de 2016

AMENDOIM - AMENDOIM DA BOLIVIA e OUTROS - Arachis sp

 O amendoim (Arachis hypogaea) é uma planta da família Fabaceae, a mesma do feijão e a ervilha. Mas é uma raridade botânica...suas vagens,se desenvolvem sob o solo! O pedúnculo floral, após a polinização, curva-se para baixo, continuando a crescer até enterrar o ovário da flor. No solo, as vagens se desenvolvem e amadurecem.

GERMINAÇÃO:



As sementes geralmente são plantadas direto no local definitivo. As sementes também podem ser plantadas em pequenos vasos ou copinhos de papel jornal com 10 cm de altura. As mudas são transplantadas quando têm de 10 a 15 cm de altura.

O espaçamento recomendado é de 15 a 30 cm entre as plantas e de 60 a 80 cm entre as linhas de plantio. O amendoim pode ser cultivado em vasos e outros contêineres, mas estes devem ter um diâmetro mínimo de 50 cm.


CULTIVO:
 
O amendoim pode ser cultivado em regiões que apresentam temperaturas médias entre 20°C e 30°C durante todo o ciclo de cultivo da planta. A planta não suporta baixas temperaturas. Como a chuva prejudica a polinização, o ideal é que o clima permaneça seco durante o período de floração.

O amendoim necessita de alta luminosidade, com luz solar direta pelo menos algumas horas por dia.

 Cultive de preferência em solo bem drenado, leve, solto, fértil e rico em matéria orgânica. O pH do solo ideal para o cultivo de amendoim situa-se entre 5,5 e 6,5.

 Irrigue de forma a manter o solo sempre úmido, sem que fique encharcado. Durante a floração reduza ou suspenda a irrigação para não prejudicar a polinização.

 A colheita do amendoim é realizada quando as folhas das plantas estão amareladas. Retire algumas vagens da terra e verifique se a parte interna da vagem apresenta veios mais escuros, o que indica que estão maduras e prontas para a colheita.

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

MELÃO ANDINO - PEPINO DOCE - MELÃO DE ÁRVORE - MELÃO DE VASO - Solanum muricatum

TEMPERATURA IDEAL DE GERMINAÇÃO: 20°C.

As sementes de Solanum muricatum demoram de 10 a 21 dias em germinar, mas incluso sob condiçoes perfeitas a germinação pode ser errática.

Se recomenda o uso do método do filtro de café,  CLIQUE AQUI PARA VER assim como o uso de Ácido Giberellico (a venda AQUI ).

Semeie as sementes cobrindo com uns poucos mm de terra leve ou substrato para plantas.

CULTIVO 

Pode ser cultivado em solos bem drenados a sol pleno ou sombra parcial. Se o solo é muito fértil, a planta produzirá muitas folhas e menos frutos! Requer um PH acima de 6.

Não tolera geadas nem calores extremos. Altas temperaturas na época de floração podem causar o aborto das mesmas.

Deve ser protegido de ventos. Não tolera solos salinos.

PODE SER CULTIVADO EM VASOS.

domingo, 13 de novembro de 2016

Amora Preta - Amora Branca - Amora pendula - Todas as Morus sp.

As amoreiras são  árvores da família moraceae, nativa do sudoeste da Ásia, onde tem sido cultivada há muitos anos em diversas áreas, portanto sua distribuição natural precisa é desconhecida. É uma árvore de crescimento acelerado quando jovem, o que o torna uma escolha ideal para um novo jardim.

Porte: árvore de folha caduca crescendo até 8 a12 m de altura por 15 m de largura em condições favoráveis.


Germinação:

Misture as sementes no substrato, tendo certeza de que tem um volume suficiente de material para manter as sementes separadas. Coloque a mistura de sementes em um saco plástico transparente (sacos zip-lock) com um tamanho apropriado para quer fique um pouco de folga (espaço com ar). Escreva a data no saco para que você saiba quando o tratamento foi iniciado.

As sementes necessitam de um período de frio para quebrar a dormência que é naturalmente encontrado nelas, isso é facilmente alcançado colocando o saco de sementes já preparadas, como indicado acima, na geladeira por 8 semanas. É perfeitamente possível que as sementes germinem no saco a estas temperaturas quando eles estão prontos para fazer isso no final do período de pré-tratamento, se isso acontecer,  basta retirar do saco e cuidadosamente planta-las.

Depois do pré-tratamento as sementes de Amoreira-preta são fáceis de germinar!
O processo de germinação é simples, podendo ser feito da seguinte maneira:
Escolha uma área semi-sombreada ou sombreada e tenha em mãos recipientes que permitam a saída da água (com furos em baixo), preencha o recipiente ou sementeira com substrato de boa qualidade e aeração e então semeie na superfície do substrato, em seguida, cubra as sementes com uma fina camada (cerca de 1 milímetro), borrife água até molhar o solo por completo e cubra o recipiente em que estão as sementes com plástico filme ou borrife sempre que o solo estiver perto de secar, tendo o cuidado de manter o solo sempre úmido.

 
Cultivo: preferência a solos de textura média, arenosos ou argilosos de boa drenagem, se desenvolve em solos de pH ácido, neutro ou básico; cresce melhor a pleno sol mas pode crescer em ambientes semi-sombreados ou sombreados; prefere solos úmidos e é tolerante à poluição atmosférica.

Luminosidade: Sol pleno

Clima: se desenvolve em quase todas as áreas, com exceção das zonas muito quentes e áridas, com verão prolongado e carência de água.

 
Utilização: as frutas são comestíveis e apreciadas mundialmente, podendo ser consumidas in natura, cozida, em conservas ou secas (que em seguida são trituradas em pó), além disso, folhas, ramos e raízes são utilizados mundialmente para uso medicinal.

COMPRE SEMENTES DE AMORA PRETA, AMORA BRANCA E AMORA PENDULA CLICANDO AQUI

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

GRAMA BERMUDA




Nome Científico: Cynodum Dactylum

Características: folhas estreitas, crescimento rápido, cor verde - vivo.

Principais vantagens: embora muito macia, tem alta resistência ao pisoteio e regenera-se rapidamente quando submetida a maus-tratos.

Principais indicações: playgrounds, campos de futebol, tênis e outros esportes.
 


COMO PLANTAR...
 
01)  Remoção de entulho
Defina a área a ser gramada, recomenda-se o preparo da mesma, eliminando torrões, pedaços de madeira, cacos de vidro, plásticos e outros objetos de difícil decomposição.
 
      02)Erradicação de ervas daninhas
Presentes em todas as regiões, elas devem ser erradicadas antes do plantio das sementes. A remoção poderá ser feita com enxada, ancinho, grade ou arado. Lembre-se fazendo isso, sobram as sementes que estão no solo. Como não existem meios eficientes para removê-las, o ideal é fazer uma irrigação para promover a germinação e arrancá-la novamente.
 
03)  Correção do solo
Distribua uniformemente 400g/m2 de calcário e incorpore-o com grade ou com enxadão(misturando bem a terra) – O calcário deverá ser jogado no mínimo 15 dias antes do plantio para evitar que sementes sejam danificadas.
 
04)  Nivelamento do solo
Faça o nivelamento do terreno, preenchendo os pontos baixo, aplainando as elevações. Se possível coloque uma camada de terra vermelha (do subsolo) de 10 a 15 cm. A terra vermelha não contém sementes de ervas daninhas, e impede a germinação das existentes no solo.
 
05)  Adubação
Faça a adubação com fertilizante 4-14-8 ou superfosfato simples, na medida de 50g/ m2.
 
06)  Plantio
É necessário que haja condições de irrigação ou que esteja com abundância de chuvas.
Para obter uma boa germinação o ideal é que as sementes estejam cobertas (enterradas) com 1 cm de terra. Pode-se fazer a distribuição das sementes e depois colocar uma camada superficial de terra vermelha. Ou então riscar o terreno num mesmo sentido, com um ancinho e distribuir as sementes. Depois passe novamente o ancinho, no transversal ao primeiro risco procurando cobrir as sementes. Irrigar duas vezes ao dia.
 
08)  Adubação de cobertura
Após 20 dias da germinação é possível e aconselhável fazer a adubação nitrogenada em cobertura. Isto acelera a formação do gramado tornando-o muito mais bonito.

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

ALFACE - Todas as variedades

Lisas, crespas, e em diferentes tonalidades de verde ou roxo, as folhas de alface estão prontas para o consumo quando frescas, com aparência brilhante, firme e sem áreas escuras. Com a adoção de tecnologias mais avançadas de processamento, a hortaliça passou a ser vendida em embalagens adequadas para mantê-la tenra por um período prolongado e também já picada.

A alface é adequada para ser cultivada em regiões com temperaturas amenas, entre 20 e 25 graus, mas há no mercado variedades com capacidade para se desenvolver o ano todo. O importante é ter cuidado ao escolher sementes adequadas ao clima da época ou da região. Altas temperaturas e muita luminosidade provocam o florescimento precoce.




O plantio de alface pode ser realizado tanto em pequenas hortas caseiras quanto em grandes áreas. No verão, a colheita ocorre em períodos de 60 a 70 dias depois do início do cultivo e, no inverno, se estende em torno de 80 a 90 dias.
Cultivares
A alface pode ter folhas crespas ou lisas, com tonalidades diversas, formando cabeça ou não. As que têm as folhas crocantes formam o grupo das americanas.
Qualquer que seja a variedade, todas podem ser cultivadas no solo ou em solução nutritiva - a alface hidropônica.
Mãos à obra
• A propagação da alface se dá por meio de sementes. Apenas cobrir as sementes, e molhar, manter úmido sem encharcar.  Primeiro forme mudas em sementeiras ou bandejas de isopor. Quando estiverem entre cinco e sete centímetros de altura, transplante para os canteiros.

IMPORTANTE:  Temperatura de germinação: 5 a 29 graus. As Sementes podem NÃO germinar com altas temperaturas.
Melhor germinação estiver abaixo de 21 graus

Dias para a emergência: 7 a 14 - germina em cerca de uma semana a 10 graus 2 a 4 das a 21 graus.


• Nas sementeiras, faça sulcos com um centímetro de profundidade e distantes dez centímetros entre si. Distribua as sementes uniformemente. Espere cinco dias para a germinação e mais o tempo necessário para a planta alcançar sete centímetros de altura e contar seis folhas. Escolha horas frescas para fazer o transplante ao canteiro, preparado com matéria orgânica e adubado.
• A recomendação é escolher os solos de textura média, com aspecto fofo, de baixa acidez e elevado teor de matéria orgânica. Leve em consideração o fácil acesso de água para irrigações.
• Evite áreas propensas ao encharcamento, para reduzir doenças nas raízes. Para cultivares comuns, os espaçamentos devem ser de 30 centímetros entre as plantas e entre linhas. Para a alface americana, as medidas são de 35 centímetros. Irrigue as hortaliças diariamente de manhã ou final da tarde, dependendo do clima e tipo de solo.
Dados gerais
• Espécie: a alface (Lactuca sativa) pertence à família Asteraceae, como a alcachofra, o almeirão e a escarola.
• Plantio: em canteiros com espaçamentos de 30 centímetros entre as plantas e entre linhas, para cultivares comuns, ou de 35 centímetros para as americanas; há a opção de cultivo em jardineiras ou caixotes, desde que tenham 25 centímetros de altura.
• Solo: de textura média, baixa acidez e alto teor de matéria orgânica.
• Clima ideal: ameno, entre 20 e 25 graus.
• Uso culinário: saladas e sanduíches.
• Uso medicinal: fonte de sais minerais e rica em vitaminas, é laxante, diurética, calmante; o suco combate insônia, palpitações do coração, bronquite, gripe e reumatismo.
• Colheita: dependendo do tipo e da região, pode variar de 50 a 80 dias após o plantio.
• Área mínima: pode ser plantada em pequenas hortas caseiras.

Fonte: GLOBO RURAL

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

INDIGO AZUL - Indigofera tintoria

Indigofera tinctoria é uma espécie de planta da família Fabaceae conhecido popularmente como anil, anileira, erva anil, guajana, timbó, caa-chica, jiquilite, anil-das-lavadeiras.

A casca das sementes de Indigo é dura, se recomenda lixar um pouco as sementes com uma lixa fina, para facilitar a penetração da umidade.

Coloque as sementes lixadas em água quase fervendo e deixe em molho durante a noite.


Plante as sementes a 2 mm de profundidade usando substrato para mudas ou terra orgânica leve. A temperatura ideal de germinação é de  20°C.

Seja paciente, mesmo em condições ideais as sementes podem demorar 30-60 dias em germinar.

Plante as sementes em vasos, sacos de mudas ou copinhos grandes (300 ou 400 ml),   uma semente por vaso (não use bandejas de sementes porque o Indigo não gostaria de ter as suas raízes perturbadas). Manter as sementes num lugar bem luminoso mas sem sol direto até que as sementes germinem e em seguida movê-las para uma posição onde receba sol direto mas por semente algumas horas. Quando as mudas estejam suficientemente grandes, plante-as no lugar definitivo no jardim ou  em grandes vasos com terra boa.

Plantas bem cuidadas podem crescer até 2 metros de altura e podem precisar de poda.

Pulverizar as plantas com água de vez em quando.

É possível colher as folhas até 4 vezes por ano! SE RECOMENDA O USO DO FERTILIZANTE ORGÂNICO NATURAL MILAGRE. COMPRE AQUI

SEMENTES DE INDIGO COMPRE AQUI




terça-feira, 6 de setembro de 2016

NEVE NO VERÃO - Cerastium tomentosum

Semear pressionando as sementes no solo mas não cobrir  já que necessita de luz para germinar. 

Mantida a 20 graus a, germinação demorará 14-15 dias. Transplantar para o jardim com um espaçamento de 30-40 cm.

Cultive a Neve no verão a pleno sol. Esta planta tolera bem o frio bem como o calor desértico (luz em sombra), mas não prospera bem em regiões que são quentes e úmidas. Com boa drenagem, solos pobres não são um problema para ela. Precisa de pouca água uma vez estabelecida, se alastrará rapidamente em solos úmidos. .

PERFUME DA NOITE - Matthiola bicornis


Em climas mais amenos semear no início da Primavera até ao início do Verão, em  climas quentes semear depois que as temperaturas mais altas tenham passado (veja abaixo)

Preparar o terreno para um ancinho e deixar a terra . Plante quase sem enterrar, apenas cobrindo as sementes, já que a luz é benéfica (e necessária) para a germinação.

Coloque o vaso ou bandeja numa posição muito luminosa mas evite a luz do sol direta que pode secar a superfície e queimar as mudinhas emergentes. Manter condições úmidas tampando a bandeja ou vasos com um saco de polietileno transparente.

Você pode esperar a germinação de ocorrer dentro de 7 a 14 dias.com uma temperatura ideal de 15 a 21 graus. Muito mais calor ou mais frio podem diminuir ou até inibir totalmente a germinação.

Uma vez germinadas as sementes retire o polietileno e mantenha condições de muita luminosidade e umidade. Depois de algumas semanas as plantinhas precisarão ser transplantadas a vasos individuais de 10 cm e em mais 3 semanas estarão prontas para o plantio fora em sua posição final.

MANACÁ DA SERRA - MANACA - Tibouchina mutabilis

Sementeira

Prepare uma sementeira ou vaso. Para substrato devemos usar composto orgânico peneirado bem fino. Outra opção uma mistura de terra vegetal com húmus e um pouco de areia fina. Nivele deixando bem plano. Regue em seguida e espere uma hora até o excesso de água escorrer (importante o recipiente ter uma boa drenagem).

Agora pulverize as sementes sobre a superfície do substrato molhado. Não cubra as sementes, pois precisam de luz para germinar. Agora usando um borrifador, pulverize um pouco de água sobre as sementes espalhadas sobre o substrato para que as sementes possam se acomodar.

Cubra a sementeira ou vaso com um saco plástico transparente para manter a umidade e temperatura estáveis. Faça uns 2 a 3 pequenos furos no plástico para circular um pouco de ar. Coloque o vaso ou sementeira em um local que pegue bastante claridade, mas não sob o sol direto. Verifique a umidade do substrato todos os dias.

É recomendado borrifar um pouco de água na superfície com bastante cuidado para as sementes não se moverem. NUNCA REGUE COM UMA MANGUEIRA, A FORÇA DA ÁGUA VAI ENTERRAR AS SEMENTES... E ADEUS GERMINAÇÃO. Muito cuidado para não encharcar demais o substrato e apodrecer as sementes.

As sementes irão germinar com menos de 15 dias, algumas germinam rápido e outras vão demorar um pouco mais, portanto espere, pois sempre terá umas mudinhas “retardatárias”. Após a emergirem, retirar o plástico e redobrar o cuidado com a umidade do substrato. Mantenha em local com boa claridade, mas sem sol direto.


Transplante de mudas de Manacá

Quando as plantinhas apresentarem 4 cm ou 6 folhinhas poderá ser feito o transplante para sacos ou vasos para cultivo, mantendo-se à sombra em cultivo protegido com pelo menos 50% de sombra, até atingirem 50 cm, quando coloca-se um tutor de bambu para conduzir a muda.
Levar para canteiros e iniciar a formação da árvore.

Substrato de cultivo
O substrato de cultivo da “muda” deve conter adubo animal de curral bem curtido, composto orgânico de folhas e vegetais e, areia em partes iguais. A colocação de farinha de ossos também é recomendável, cerca de 30 gramas por muda. Fazer a mistura, e plantar.
Se já neste estágio desejar introduzir o tutor no substrato, ganhará tempo.

Outras dicas

• Necessita de sol e solo fértil e de umidade moderada.
• Para plantar as mudas, abrir um buraco maior que o torrão da muda.
• Colocar adubo animal de gado bem curtido, cerca de 1 kg/muda, misturado a composto orgânico oriundo de folhas decompostas. Pode usar também húmus de minhoca se preferir.
• Colocar também farinha de ossos. Misturar bem.
• O fundo do buraco e as laterais deverão ser remexidos para evitar a compactação da terra, permitindo que a muda se desenvolva bem.
• Colocar a muda no buraco depois de cortar o pote de plantio e retirar o torrão.
• Nas laterais colocar também a mesma mistura. Regar bem.
• usar tutor de estaca de eucalipto para a muda ter um apoio.
• Para amarrar, usar cordão de sisal ou algodão, dando a forma de oito para não estrangular a planta quando esta crescer.
• Manter as regas diárias até uns 10 dias, caso não chova no período.

Fonte, texto base: manacacomunicacao.com.br

CELOSIA - Todas as espécies e variedades RABO DE GALO - CRESTA DE GALO - FLAMINGO, ETC

Propagação:

A propagação é  feita por sementes É MUITO FÁCIL. Apenas enterrar as sementes e molhar, mantendo úmido sem encharcar.
O melhor é semear as sementes no local definitivo, pois as mudas são sensíveis ao transplante, mas também podem ser semeadas em pequenos vasos e outros recipientes, transplantando as mudas com bastante cuidado quando atingem de 5 a 8 cm de altura. Semeie a cerca de 0,5 cm de profundidade no solo. A germinação das sementes geralmente ocorre entre 1 e 3 semanas.

Ciclo de cultivo:

As celósias são plantas anuais.

Iluminação:

Pode ser cultivada com luz solar direta ou em sombra parcial com boa luminosidade.

Irrigação:

O ideal é manter o solo úmido sempre úmido, mas sem que permaneça encharcado. Contudo, são relativamente resistentes a curtos períodos de seca.

Solo:

O solo deve ser bem drenado. Não tem requerimentos especiais em matéria de solo.

Clima

São plantas de clima tropical, crescendo bem em temperaturas entre 20°C e 35°C. Em regiões com invernos frios, podem ser cultivadas nos meses mais quentes do ano.


Floração:

Floresce cerca de 60 a 90 dias após o plantio.

Fonte: Jardineiro.info

COMPRE SEMENTES DE DIFERENTES VARIEDADES DE CELOSIA  CLICANDO AQUI

sábado, 3 de setembro de 2016

UVA RED GLOBE e todas as variedades - Vitis vinifera

GERMINAÇÃO

1) Hidrate

Coloque as sementes em agua mineral por 24 horas
.

2) Estratifique as sementes. 
Muitas sementes requerem um período de frio, condições de umidade para iniciar o processo de germinação. Na natureza, isto é alcançado quando as sementes ficam no chão durante o inverno. Você pode simular estas condições através do processo de estratificação.

Coloque as sementes dentro de um filtro de café umedecido e coloque este num saco plástico hermético.

Refrigere as sementes. A temperatura ideal para estratificação é uma constante  de 1a 3 ºC, a geladeira é um bom lugar para este processo. Mantenha as sementes refrigeradas durante dois a três meses. Não deixe que elas congelem.

3)  Plante as sementes.
Passados os 2 ou 3 meses retire as sementes do frigorífico e planta-las em vasos preenchidos com bom solo.

Plante as sementes individualmente em pequenos vasos ou juntas em grandes vasos com pelo menos 4 cm de espaçamento entre cada semente. Enterre as sementes a 1/2 cm.
 
Para germinar, as sementes de uva precisam de temperaturas diurnas de pelo menos 20ºC e temperaturas nocturnas de pelos menos 15ºC. 

Manter o solo úmido mas não muito molhado. Pulverize a superfície com um spray de água quando ele começa a ficar a seco.
 
Verifique a presença de crescimento. Sementes de uva normalmente demorar entre 2 a 8 semanas para germinar.

3) Transplante
Quando as mudinhas tenham cerca de 8-10 cm, e pelo menos 5-6 folhas, transplante-las para vasos maiores ou o lugar definitivo no jardim ou horta.


4) Cultivo
Para prosperar, as vinhas tem necessidade de uma a quantidade certa de sol, drenagem adequada e uma forma de apoio.

Escolha o local certo. As plantas necessitam de 7-8 horas de pleno sol diariamente para melhores resultados.
 
Prepare o solo. As videiras exijam solos bem drenados. Se você tiver de argila ou outros solos mal drenados, aumentar a drenagem com composto, areia ou outras alterações do solo que aumentem a drenagem. 

Espaçamento entre as plantas de 2,5 m para permitir o crescimento.
 
 
5) Suporte
Apoie adequadamente a sua planta. As videiras precisam de 
um suporte adequado. No primeiro ano, quando as plantas são ainda pequenas, uma vara de bambu será suficiente para apoiá-los e mantê-los fora do solo. À medida que cresçam, você precisará treiná-los para subir numa treliça ou pergula. Amarre a ponta dos brotações para conduzir o crescimento.



6)  Tome cuidado correto de suas plantas, e prepare-se para esperar. 

As videiras podem levar até três anos para começar a produzir frutos. Durante esse tempo, o cuidado correto e a formação as plantas é essencial para o melhor rendimento dos frutos.
 
Ano 1: Ajude ao crescimento. Escolha os três brotos mais fortes na planta e  pode todos os outros. Assim esses três brotos crescerão mais fortes e mais vigorosos.

Ano 2: Adubar adequadamente. Remova as inflorescências à medida que surjam, ou seja não deixe a plantar produzir frutos ainda. Remova qualquer broto que cresça abaixo dos três principais que você selecionou no ano anterior. 

Ano 3: Continue a adubação e remoção das brotações baixas. Durante este ano, você pode permitir que alguns racemos de flores permaneçam e produzam uma pequena colheita de uvas.

Ano 4 e depois: Continue a adubação e poda. Este ano e posteriormente, você pode deixar todas as inflorescências frutos se desejar.

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

SEMPERVIVUM - SUCULENTAS

CULTIVO DESDE SEMENTES
1

Encha uma bandeja para sementes com uma mistura de boa drenagem composta de 2 partes de areia grossa e uma parte de perlita . Deixe a parte superior da bandeja (1 cm) vazia.
2

Polvilhe as sementes de sempervivum sementes em toda a superfície do solo. Distribua as sementes uniformemente. Aperte as sementes suavemente sem enterrar!

Espalhe uma camada muito fina  de areia fina sobre as sementes para ajudar a manter a umidade mas  ainda permitindo que a luz chegue nas sementes .
4

Molhe as sementes com um pulverizador o borrifador, NUNCA USE UMA MANGUEIRA, já que a força da água enterrará as sementes. Borrife abundantemente de maneira tal que o primeiro cm do solo fique sempre úmido. Manter este nível de umidade durante o processo de germinação sem nunca alagar.
5

Cubra a bandeja de mudas com um filme plástico para segurar o calor ea umidade . 

Expor as sementes de sempervivum a uma luz muito brilhante mas sem sol direto, durante seis a oito horas todos os dias.

Preste atenção para a germinação em 2-5 semanas. Retire o filme plástico , logo que as mudas começem a nascer. Melhorar a circulação de ar em torno das mudas  deixando 1 planta a cada dois centímetros .
8

Diminuir a irrigação assim as mudas comecem a emergir.

Transplante as mudinhas a vasinhos a partir de 10 cm, assim que elas alcamcem uns 3 cm de altura
10 
Mantenha as mudas de sempervivum plantadas individualmente em um local quente , protegido até que amadureçam e assumir a sua forma de roseta característica , e depois transplantá-las em vasos permanentes ou diretamente em o jardim. 

COMPRE SEMENTES DE SEMPERVIVUM  CLICANDO AQUI

CHUVA DE OURO - Cassia Imperial - Cassia fistula e outras espécies de Cassia

 
A Chuva de Ouro, Cassia fistula (Fabaceae) propaga-se por sementes, e para promover a produção das mudas faz-se necessário superar a dormência natural das sementes que é causada pela impermeabilidade do tegumento à água. 

Num trabalho científico publicado pela Universidade Federal de Santa Catarina a maior porcentagem de emergência das plântulas de C. fistula foi observada para sementes escarificadas com lixa d’água nº 80 na região lateral da sementes.

Recomendamos também a imersão em GA3 (Ácido Giberélico) após lixar as sementes, até notar que as sementes ficam maiores, ou seja absorvem o liquido.

Cobrir com uma fina camada de substrato peneirado e não deixar que secar regar de 1 a 2 vezes por dia.

Mantenha em local com bastante claridade, mas que não receba luz direta do sol.
Transplantar para o lugar definitivo quando as mudas tenham 40-50 cm.

Compre sementes de CASSIA IMPERIAL clicando aqui