quinta-feira, 11 de junho de 2015

Graviola–Annona muricata

Graviola Gigante 1

Fruta aromática, com polpa branca, de sabor suave e levemente ácido, a graviola pode ser consumida naturalmente, mas é muito usada para a fabricação de doces, sucos, sorvetes e geleias. Rica em vitamina A, C e do complexo B, também contém cálcio, ferro, magnésio, potássio e fósforo. Diurética, a graviola ainda é dotada de propriedades que evitam espasmos, disenterias e problemas de nevralgia.

PRE-TRATAMENTO

Coloque as sementes em agua quente (não fervendo) por 10 minutos.

PLANTIO

Plante as sementes usando um substrato adequado ou terra leve e orgánica, colocando todas elas num vaso ou bandeja sementeira, e cobrindo com 1/2 cm de substrato ou terra. Coloque o vaso ou bandeja numa area com muita luz mas não sol direto. Molhe diariamente em forma  abundante, sem deixar secar nem deixar o vaso alagado,

A germinação pode demorar até 50 dias ou mais, mas normalmente algumas sementes germinarão mais rápido.

Quando as mudinhas tenham já aberto o primeiro par de folhas verdadeiras transplantar para um vaso individual, e ir acostumando aos poucos ao sol.

CULTIVO

CLIMA:  Tropical e subtropical. A planta não tolera locais frios, mudanças bruscas de clima e muito menos geadas.

SOLO: com textura leve, profundo, bem drenado e arejado.  Embora aceite qualquer tipo de solo, devido a seu sistema radicular desenvolvido, a planta prefere os de textura leve, profundos, bem drenados e arejados. Os melhores resultados no cultivo da graviola são obtidos em solos com elevados teores de materia orgânica e acidez corrigida.


ESPAÇAMENTO: Recomendam-se espaçamentos de 4 x 4 metros a 8 x 8 metros, o que depende de uma série de fatores, como solo, nível de tecnologia aplicada (mecanização, condução da planta, poda, por exemplo), topografia, condições climáticas, entre outros. Em geral, o tamanho das covas é de 60 x 60 x 60 centímetros. Elas devem ser feitas, no mínimo, 30 dias antes do plantio das mudas.

Fonte globo rural.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário